Adm. do Blog: Christine Marie - Nayarin

COMUNICO A TODOS QUE OS TEXTOS, VÍDEOS, CHARGES... DESTE BLOG ESTÃO SENDO POSTADOS DIRETAMENTE NA PÁGINA DIVINA LEELA

Visite e acompanhe também:


sexta-feira, 16 de março de 2012

O amor "existe"?



Eis a questão... ilusória.

Não é que o amor "exista" ou não, até porque "ele" não é um objeto. O amor apenas é, o amor apenas acontece, apenas se manifesta através da existência pq é inerente a ela. O amor INcondicional, o perdão e a aceitação andam juntos.

Aceitar as situações ou as pessoas como elas são, sem rotulá-las, é amar INcondicionalmente (sem condições), é olhar "através" delas, e não "para" elas. Da mesma maneira, perdoar é aceitar aquilo que aconteceu, é deixar de querer mudar determinada situação, e de alguma forma deixar de controlar a própria vida em si. Isso não quer dizer que temos que nos resignar a tudo e a todos, mas sim olhar p/ frente e deixar o passado morrer, descarregá-lo das costas e se abrir para as mil possibilidades que surgem a cada momento.

Tentar entender a insanidade alheia, ou a desumanidade é gastar energia à toa, até porque somos parte desta coletividade. Além do que o nosso ego adora apontar o dedinho p/ o outro para de alguma maneira "se achar" o máximo, o certinho, o perfeitinho... Só que ninguém, enquanto ser humano, de carne e osso, enquanto matéria, é perfeito. Aceitar a IMperfeição é amar INcondicionalmente.

Christine M.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também

Loading...

Receba as postagens deste Blog por E-mail

O nome dela é Tula (de Israel), uma das vozes mais lindas q já ouvi.

Postagens populares

Loading...

"A iluminação acontece quando acontece: não podemos ordená-la, não podemos provocá-la... ... Ela vem quando vem. O que quer que façamos pode apenas preparar-nos para recebê-la, para perceber quando ela chega, para reconhecê-la quando se manifesta." Osho

"Primeiro Seja - Relacionar-se é uma das maiores coisas da vida: é amar, compartilhar. Para amar é preciso transbordar de amor e para compartilhar é preciso ter (amor). Quem se relaciona respeita e não possui. A liberdade do outro não é invadida, ele permanece independente. Possuir é destruir todas as possibilidades de se relacionar. Relacionar é um processo. Relacionamento é diferente de relacionar-se: é completo, fixo, morto. Antes devemos nos relacionar conosco mesmos e escutar o coração para a vida ir além do intelecto, da lógica, da dialética e das discriminações. É bom evitar substantivos e enfatizar os verbos. A vida é feita de verbos: amar, cantar, dançar, relacionar, viver." Osho

Perfil no Orkut

Comunidade no Facebook

Comunidade no Facebook
Além dos Conceitos e Palavras

Meu Twitter